Velhinho intrometido

É perseguição.Comecei a descer para fumar, paramos de poluir o ar da varanda do prédio e começamos a "respeitar" a nova lei antifumo. Já faz um tempo, na realidade, que fumamos na rua e vemos o movimento dos carros, acompanhado do barulho infernal que seus motores produzem.
Hoje, para iniciar bem a semana, cheguei ao prédio com uma fila enorme de pessoas idosas, o que me deixou muito contente, porque todos, sem exceção, preferem ficar no meio do caminho do que acompanhar a fila, é algo realmente incrível. Já não bastassem as senhoras e senhores que param o elevador porque não sabem utilizá-lo corretamente, hoje um velho resolveu não interpretar minha face de "não quero conversar com você" e resolveu brincar com o pequeno pequerrucho e eu.
Comentou algo sobre nosso cigarro e que por causa da lei tínhamos que fumar na rua. Pensei que ele soltaria esse comentário e sumiria da face da terra, infelizmente ele continuo "tentando" conversar conosco. Eu, com toda minha "finesse" já virei o rosto e fiquei puto, o velho ainda continuou seus comentários como sobre a "nova lei" que agora não poderemos nem mesmo fumar na rua caso seja aprovada. Nos indagou sobre o que faríamos se fosse proibido fumar na rua, foi o único momento em que pensei em responder e disse: "Faremos igual a maconha.", disse isso no intuito de insinuar que fumaríamos escondidos assim como fazem as pessoas que fumam maconha, no entanto, o velho meio desentendido ainda responde: "Mas também é fumo...", fiz cara de interrogação, desencanei de vez e o velho foi ao mercado.
Fico imaginando porque as pessoas cometem assassinatos, hoje em dia eu percebo porque. Hoje entendo melhor os motivos que levam certas pessoas a cometerem um homicídio. Entendo porque rolam aqueles comentários, em jornais carniceiros, do tipo que o cara era bonzinho e não fazia mal a ninguém. Acredito que seja perseguição do pessoal da terceira idade, se eu gostasse de velhos acho que nenhum deles gostariam de mim. Ainda prefiro as velhinhas que ao me ver na rua, abraçam suas bolsas como se fosse a coisa mais valiosa do mundo, fora as que atravessam a rua.

2 comentários:

  1. Pior que a imagem ta praticamente igual ao do velho que veio encher o saco, só falta a ponta preta no nariz, como eu disse algum fumante fez o favor de apagar o cigarro no nariz daquele filho da puta!

    ResponderExcluir