4º dia

Vou começar a anotar as coisas.Estava com vontade de não ir, queria fugir, na realidade, queria parar. Como sou persistente demais, não podia abandonar as coisas sem antes ver se terei algum resultado.
Estou preocupado há algum tempo e acredito que isso esteja tirando um pouco meu sono, mas ontem ao dormir, me preocupei demais em acordar cedo e praticamente tive o sono interrompido diversas vezes pela minha subconsciência maldita.
Conversei bastante hoje, mais sobre família, vidas passadas, relacionamentos passados, pessoas que foram importantes, que são importantes mas que não faço a mínima questão de demonstrar o quanto são importantes. Interessante, não? Acho que falei sobre diversos elos perdidos na vagarosa viagem no tempo, o quanto eu perdi durante esses anos que se passaram. É engraçado, lembrei de coisas que achei que nem lembrava mais e esqueci diversas coisas que jurava que ainda lembrava. Descobri algumas coisas, na realidade não muitas, mas algumas coisas interessantes. Falei sobre uma preocupação que está me perturbando demais, na realidade, demais é apenas um pequeno apelido, isso não tem me deixado pensar muito tranquilamente nos últimos tempos.
Outra coisa muito interessante que comentei hoje foi sobre um pequeno detalhe que me deixou bem feliz, na realidade, foi mais um pequeno interesse que não tem o mínimo sentido mas que foi despertado dentro de mim não sei porque. A vida e a mente são coisas excelentes para serem estudadas, principalmente quando nos privamos da lógica que utilizamos no cotidiano...

Nenhum comentário:

Postar um comentário