10º dia

Hoje foi um dia bacana na terapia.Hoje foi um dia diferente, apesar de ser terça-feira, tive terapia, isso porque acabei mudando de horário depois que consegui perder a hora outro dia. Não posso, de forma alguma, perder uma sessão sequer, primeiro porque não quero, sigo as coisas como religioso, e outra que realmente faz falta uma sessão.
Apesar de ter chegado sem saber o que dizer, hoje senti que o dia fora muito produtivo, estou para dizer que foi um dos melhores dias de terapia. Falei muito sobre a família, apesar que lembrei depois que falaríamos sobre os motivos que me fizeram ficar onde estou, mas mesmo assim foi algo muito bom de conversar. Na realidade, foi isso mesmo, foi praticamente uma conversa amigável com alguém que já conheço há muito tempo, foi assim que me senti hoje. Essa forma foi diferente, falamos de diversos aspectos que estão mudando em minha pessoa, não falamos sobre o "altar", algo que estava me incomodando, não bem incomodando, mas sentia que não saía do lugar, como eu brincava, sentia o famoso efeito "mais do mesmo".
Gostei das coisas que ela me mostrou, das grandes mudanças, dos palavrões que diminuiram consideravelmente, pelo menos no blog, não sinto mais tanta necessidade de escrevê-los mas o que ela me mostrou é que agora consigo definir as coisas com palavras, porque a raiva já não é tão gigantesca como antes. Me senti aliviado, me senti tranquilo, fiquei realmente contente com a conversa de hoje, foi realmente maravilhoso, não sei se foi a mudança de horário, eu acredito que tenha sido apenas a conversa em si, principalmente porque a mudança de horário me causou o transtorno de pegar um trânsito que me deixou realmente estressado hoje mas logo acalmado com a nossa conversa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário