Lutando contra a mente

Em meio a uma solidão devastadora, caminho sempre na mesma direção em busca de algo que nem mesmo sei. Simplesmente, sigo a mesma trilha, vejo sempre o mesmo horizonte, as mesmas paisagens...
Talvez seja hora de mudar de direção, seguir outros passos ou trilhar meu próprio caminho. Na realidade, já o trilho e as coisas continuam não dando certo. Nada muda, todo dia parece o mesmo, seja um dia ensolarado ou um dia tenebroso, pra mim, pouco importa.
Tudo que sonhei, que um dia pensei que talvez pudesse alcançar, não aconteceu. Falta de esforço? Talvez. Não sei dizer ao certo se me esforcei na medida certa ou se deixei a desejar. Nem sei mais o quanto ando me esforçando para as coisas darem certo.
Vivo em um mundo totalmente diferente? Será que tudo não passa de um sonho? Simplesmente uma ilusão criada por minha mente para me entorpecer e fazer com que as coisas pareçam bem menos piores que o normal? Há quem diga que realmente vivo em um sonho, outros dizem que sou duro demais com a realidade, ou pelo menos tento deixá-la assim. Mas quem é que sabe a melhor maneira para encarar a realidade? Aliás, quem é que sabe o que seria melhor pra mim?
O dia que eu descobrir, talvez fique contente, talvez fique triste por descobrir que seja algo inalcançável ou simplesmente continue na mesma utopia. Todo esse marasmo que me consome dia a dia, talvez seja resultado de tudo aquilo que deixei de buscar quando precisava. Ou será que a minha vida se resume à isso?
Não consigo acreditar que esse será meu fim, talvez nem esteja na metade do caminho. E onde terminará essa trilha? Preciso ver a luz? O que preciso para as coisas parecerem um pouco melhores? Algo é certo, mudei muitas coisas, algumas para melhor, outras para pior, mas tento melhorar a cada dia. Tento enxergar os dias de uma maneira diferente, para ver se realmente algo muda. Nem sempre percebo, o quanto as coisas mudam, com a mudança de meus pensamentos e comportamento, mas muitas vezes me sinto bem melhor. Até mesmo acordar já não é tão sacrificante quanto antes.
Ainda sinto falta da terapia, sinto falta de diversos amigos mas ao mesmo tempo não tenho muita vontade de fazer nada. Quando sinto vontade de fazer alguma mudança, desisto depois de refletir por 10 segundos, não creio que seja tempo suficiente. Não posso reclamar, tenho visto mais pessoas do que costumava ver, tenho até mesmo incentivado encontros, coisa que normalmente eu não faria. Talvez não esteja tão são quanto penso ou talvez isso seja um grito, algo que minha mente esteja tentando me dizer.
Já falei, escrevi e filmei tantas loucuras, que mesmo escrevendo um texto que iniciei de forma simples, agora, parece algo mais complexo do que poderia imaginar. Não deixo apenas a razão e meu bom senso me guiarem, na realidade, acho que nunca parei para pensar no que escrevo, simplesmente deixo meus dedos e mente agirem em conjunto lutando contra tudo. Não releio, por isso diversas vezes deixo um "errinho" aqui e outro ali. Não o faço para não mudar todo o texto, afinal de contas, de vez em quando, só quero colocar para fora algo que está me sufocando e se parar para ler, com certeza, mudarei toda a ideia. Minha razão tentará lutar para dar uma lógica ao texto, enquanto a minha alma livre tenta apenas mostrar o que ando sentindo, mesmo que de uma forma confusa.
Escrito ao som de Norah Jones - Until the end.

6 comentários:

  1. Acabou de me fazer ter o mento mais nostálgico da minha vida. rs

    ResponderExcluir
  2. Bom e ruim, mas nada como lembrar de algumas coisas de forma emocional, afinal geralmente eu lembro e penso nas coisas de forma racional. Racional demais ás vezes. rs rs

    ResponderExcluir
  3. Prefiro sempre ser racional, quando minhas emoções tomam conta, que perigo. rs rs rs

    ResponderExcluir
  4. O momento foi tão nostálgico, que meu ultimo post foi sobre o assunto que eu jurei que não iria tocar mais. Mas eu tive que escrever, parece que meus dedos criaram vida e acabei jogando meu estresse sobre o assunto em um texto só. E isso deve ser bom. HA HA HA

    ResponderExcluir
  5. Hum... Fiquei extremamente curioso, vi que tinha um post novo mas ainda não tive tempo de ler, mas logo estarei lá. o/

    ResponderExcluir