Sentimentos e seus pequenos detalhes.

Sentimentos
Sentimentos surgem quando menos esperamos, podem ser fortes, podem ser fracos. Algumas vezes, passageiros, mas tão rápidos quanto um simples sorriso. Em outros casos, pode durar, não uma eternidade, afinal de contas, não acredito em coisas eternas a não ser vampiros em filmes.

Mas seja forte ou fraco, passageiro ou duradouro, o que importa é o que sentiu. Aquela sensação boa que passa em nossas mentes, milhares de idealizações, sonhos, devaneios. Várias coisas que marcam o "coração" a ferro e fogo. Em alguns casos, mais machucam do que deixam boas recordações.

Mas toda vez que despertamos sentimentos por alguém, subtraindo nossos familiares e amigos muito queridos, estamos nos arriscando a nos apaixonar ou passar a amar alguém que um dia talvez possamos perder, seja para morte ou pelo desamor. Até hoje tento compreender qual o significado do amor, como um sentimento tão puro e tão forte pode nascer praticamente do nada. Talvez a ciência explique o que o "coração" sente neste momento tão grandioso da vida.

Perder a consciência, a razão, toda lógica que envolve a vida em algo tão indefinido, tão complexo, que provoca um enorme medo, é algo totalmente incomum para uma mente extremamente lógica. Claro, felizmente ou infelizmente, muitas vezes caímos nesta armadilha, é não tenho outra palavra para descrever tal sentimento. Talvez sejam marcas do passado, talvez a amargura, talvez apenas um pouco de razão batendo no subconsciente.

Mas algo que me fez ter a grande péssima ideia de escrever sobre isso, foram pequenos detalhes que me fizeram notar que algo estava errado em um relacionamento que tive. A forma como seu beijo mudou, me despertou certas dúvidas em relação a seus sentimentos por mim e quando questionada sobre isso, a única resposta que ouvi foi que nada havia mudado, que nada estava diferente. Pensando que gestos falam muito mais que simples palavras, porque dizer "eu te amo" tornou-se algo tão banal, realmente acredito que pequenas mudanças no cotidiano demonstram muito mais os sentimentos de alguém.

A indiferença, a mudança em certos comportamentos, na forma de beijar, de fazer um carinho, até mesmo no abraço, demonstram que as coisas estão mudando, demonstram se algo está ruim ou não. Por isso sempre achei importante os pequenos detalhes. Em um outro relacionamento, fui questionado do porquê ter deixado de dizer "eu te amo", não soube o que responder na época, mas se fosse hoje, diria que meus atos deviam demonstrar mais que uma simples frase. Acredito que tudo que faço demonstre o que sinto pela pessoa, basta você querer enxergar o que está ali, naquele momento, toda dedicação e carinho. Olhares que dizem mais que mil palavras, pequenos gestos que engrandecem o que sinto. Talvez, se perceber que algo realmente mudou, de uma forma talvez ruim, possivelmente meus sentimentos por você já não sejam os mesmos.
Escrito ao som de Christina Perri - A thousand years tocada incessantemente mais de 11 vezes.

2 comentários:

  1. é complicado mano,sei como é isso,as coisas mudam,a gente muda,a pessoa muda e vamos pra caminhos diferentes e tal,um dia,um relacionamento vai dar certo,sempre estou com essa frase no pensamento,mas estou com a razão no subconsciente tbm,abraço cara,bom texto.

    ResponderExcluir
  2. É, faz parte do aprendizado passar por diversas coisas. rs rs rs
    Valeu pelo comentário!

    ResponderExcluir