De volta ao mundo.

O resgate do soldado Ryan.

Nova temporada? Nova caminhada? Nova sei lá o quê. É, prometi que voltaria nessa semana mas infelizmente minha imensa vontade me permitiu apenas jogar, jogar e jogar. Não que tenha se tornado um vício, afinal de contas, quem me conhece, sabe que não me vicio, pouco. Mas não foi esse o motivo que me privou de travar batalhas com as palavras por aqui ou nos vídeos.

No caso dos vídeos, pelo menos tinha um para lançar mas decidir segurar mais uma semana. Afinal de contas, não será muito simples retomar as filmagens sem anotação alguma, não tenho frases para o "Ortografa", por exemplo. Mas espero retomar as coisas essa semana, aliás, digo essa semana porque escrevo este post com data programada, ou seja, escrevi um bom tempo antes de lançar como estava fazendo.

Não perdi o tesão de escrever, não que o faça muito bem, mas gosto muito e espero não parar. Sei que muitos não leem mas mesmo assim fico feliz em saber que poucos fazem questão de ainda entrar aqui e procurar algo novo para me xingar. Mas infelizmente passei por um período turbulento, a perda de todo meu trabalho de 12 anos ou mais me deixou extramente desestruturado. Levei muito tempo para me conformar, não que o tenha feito, mas levei quase um mês para decidir desistir da recuperação de minhas informações.

Por que desisti? Simplesmente porque agora preciso organizar, urgentemente, todas as coisas que possuía. As anotações para o vlog, consegui salvar. Minhas finanças é algo que realmente me preocupa e como perdi também o sistema que desenvolvi, agora voltarei temporariamente a controlar em planilha. A parte mais dolorosa, que foram meus projetos desenvolvidos desde 1999, esses não foram recuperados e não serão refeitos, a não ser o sistema onde controlava minhas finanças. É, poderia utilizar um sistema pronto, poderia utilizar o sistema de minha empresa, mas não queria algo tão grandioso, quero algo realmente simples. Os sistemas free só me deixam um tanto quanto encanado, porque a qualquer momento as pessoas podem resolver cobrar.

Mas é isso, um pequeno post para o retorno a escrita. Não sei se para felicidade ou infelicidade das pessoas mas voltarei a postar frequentemente como estava fazendo desde novembro ou dezembro do ano passado.

2 comentários: