Mais um aniversário se foi...

Lembretes.

Ontem completei 34 anos de vida, algo que para muitos não faz diferença alguma e que para outros pesa demais. Senti um certo peso, pela primeira vez na vida, ao fazer aniversário. Quando estava próximo dos 30 fiquei meio preocupado mas não fez praticamente diferença em minha vida.

Não sei por que dessa vez o negócio pesou, não que me sinta velho, estou mais preocupado com o lado dos grandes feitos da vida. Aliás, se analisarmos por esse ângulo, não tenho nenhum grande feito. Lembro-me de ler que precisamos fazer um grande feito antes dos 30, que após isso não será mais possível; não lembro quem é o autor dessa ideia. Reflito sobre minha vida e não vejo nenhum grande feito que poderia me deixar feliz caso hoje fosse meu último dia de vida.

Mas o que importa mesmo é que estou com saúde, tenho uma família linda, amigos e... Opa, espera aí! O cacete que é só isso que importa. Acho que faltam coisas muito importantes aí no meio e nem cheguei na parte do dinheiro. No balanço geral, até que não posso reclamar da vida que tive, apesar de não ter feito grandes conquistas, como muitos almejam, sou uma pessoa feliz e faço algo que me agrada, o que mais se pode querer?

Pronto, transformei o blog em um pequeno diário. Daqui a pouco começo a chorar as mágoas, contar todas as decepções e amarguras. É, esse foi um post para preencher um dia da semana, estou sem assunto mas no fundo, a única coisa que queria era reclamar que a Nanda, mais uma vez, conversou comigo no dia do meu aniversário e esqueceu de me dar parabéns. =D

2 comentários:

  1. Vou tentar ser breve, para um escritor: isto é terrível; depois de muito tempo, li alguns de seus posts e fiquei sabendo de algumas coisas, poderia fazer um comentário em cada um, mas seria apenas algo como: " Que legal que você escreve todos os dias" e tenho tentado mudar minha atitude em relação as coisas, sendo mais objetivo por exemplo, assunto para outro dia. Sobre fazer alguma coisa até uma determinada idade: acho você um vencedor, ser sócio de uma empresa não é fácil, nem é para qualquer um; descobrir o próprio dom e viver disso, tampouco;
    ter fans e seguidores, mesmo sendo em mídias sociais, é uma conquista incomparável. Devo lhe dizer que já esqueceram meu aniversário depois de eu ter ajudado a pagar durante um ano a festa de todos os aniversariantes do meu setor de trabalho, isto é de ficar indignado, outro assunto longo para uma outra ocasião. Acho que você inspira as pessoas, isto é um grande feito, não se subestime. Para encerrar! Para saber se fazemos a diferença é só imaginar como seria o mundo sem você. Só para exemplicar, acho que eu não criaria o meu vlog.

    ResponderExcluir
  2. Imagino o quanto é complexo ser breve em um comentário, eu mesmo, de vez quando me excedo demais. rs rs rs

    Muitos dizem que chegar onde cheguei seria uma vitória, não levo tanto em consideração isso porque não consegui triunfar da forma que almejei. Tanto que estou largando a sociedade e voltarei a ser um mero colaborador.

    Eu reclamei sobre alguns esquecerem meu aniversário, mas todo ano isso acontece e nunca liguei para aniversários. rs rs rs É que tenho que zoar com isso, as pessoas se sentem meio mal. rs rs rs

    Por mais que alguns pensem que me acho o tal, sou completamente o contrário, sempre me subestimo. Não por não ter autoestima ou algo do gênero mas realmente não consigo me achar o bam-bam-bam. rs rs rs

    Valeu pelo comentário! =D

    ResponderExcluir