Cuidado com o mouse pad

Microsoft Wireless Optical Mouse 2000.Você busca frenéticamente um mouse de alta performance, de repente, um belo dia você nota que seu mouse está sofrendo um infarto do miocárdio e ele precisa ser substituído. Suas opções não são boas já que seu dinheiro anda meio escassos. Com isso, você opta por uma compra razoável, não tão caro e não tão barato, já que você é do tipo de pessoa que não acredita que produtos baratos sejam bons.
Comprei um mouse meio termo, não é top de linha mas também não está cotado entre os lixões que existem por aí, mas ele de fato não me agradou tanto em relação a sua precisão em determinadas coisas que faço. Se fosse para trabalhar, acho que já teria surtado, mas como a única coisa que faço em casa é editar vídeos e escrever no blog, esse mouse é excelente.
Uma coisa interessante, que de início achei que fosse um problema do wireless, foram as "enroscadas" que o mouse insistia em dar de vez em quando, coisa que nos primeiros 3 dias não aconteceram. Achei estranho, já que comprei um mouse pad bem bacana, igual um que uso no trabalho, da marca RantoPad, que fabrica mouses para jogos, então sua precisão teoricamente deveria ser enorme. No entanto, tive essa pequena surpresa, de vez em quando o mouse parecia falhar, como ocorria com o outro, mas o outro estava realmente morrendo. Hoje, cansado dessas falhas, resolvi fazer um teste e como meu mouse pad anterior havia secado, tive que lavá-lo porque estava imundo. Não é que o mouse voltou a funcionar corretamente. Claro, ainda quero ver se continuará funcionando normalmente amanhã, mas tenho quase 100% de certeza de que foi culpa do mouse pad, coisa que por um acaso me deixou hiper mega puto da vida. Então, se um dia tiverem problemas com o mouse e estiverem utilizando um mouse pad que teoricamente deveria fazê-lo funcionar a mil, antes de jogar o mouse na parede, troque o mouse pad.

Nenhum comentário:

Postar um comentário